JOGOS SUL-AMERICANOS – Bruna Takahashi e Vitor Ishiy conquistam mais dois ouros no último dia de disputas do tênis de mesa

07/06/2018 21:59

Final feminina teve dobradinha brasileira, com Lin Gui ficando com a medalha de prata

FOTO: Bruna Takahashi e Vitor Ishiy conquistaram as últimas medalhas do Brasil nos Jogos. Crédito: Odesur

 

Rio de Janeiro, 07 de junho de 2018.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

O tênis de mesa brasileiro fechou a participação nos Jogos Sul-Americanos com mais conquistas. Nesta quinta-feira (7/6), no Coliseo Evo Morales, em Cochabamba, na Bolívia, Bruna Takahashi e Vitor Ishiy conquistaram mais dois ouros, nas disputas individuais. E a final feminina teve um gostinho especial, com duas mesa-tenistas do nosso país: Lin Gui ficou com a medalha de prata.

Bruna Takahashi venceu a colega de equipe na decisão, por 4 a 2 (7/11, 11/7, 11/4, 8/11, 11/8 e 11/5). Foi o quarto ouro de Bruna na competição. Anteriormente, nossa melhor mesa-tenista no ranking mundial já havia conquistado o título por equipes, duplas mistas e duplas femininas.

Por sua vez, Lin Gui pode se considerar uma vitoriosa com a prata. Ela sofreu intensamente com a altitude de Cochabamba, tendo que recorrer aos balões de oxigênio com frequência no início da competição. Foi poupada das disputas de duplas mistas e duplas femininas e voltou para brilhar no individual.

Vitor Ishiy precisou passar pelo peruano Bryan Blas, nas quartas de final, e pelo chileno Gustavo Gómez, em duríssimo duelo na semifinal. Na decisão, outro chileno, Juan Lamadrid. Vitória incontestável do brasileiro, por 4 a 2 (11/6, 11/6, 6/11, 9/11, 11/6 e 11/7). Foi o terceiro ouro dele, que também ganhou a disputa por equipes e duplas mistas.

Seis ouros

Ao todo, o Brasil conquistou seis dos sete ouros possíveis nos Jogos Sul-Americanos (equipes femininas, equipes masculinas, duplas mistas, duplas femininas, individual feminino e individual masculino). Além disso, traz uma prata (individual feminino) e um bronze (duplas masculinas).

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Marcio Menezes – marcio@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa